a importância da educaçao afetiva na escola

Enquanto os pais nao tiverem outras expectativas e cobranças da escola, enquando os pais acharem que a melhor educaçao é aquela que prepara o jovem para ter sucesso  financeiro, passar em seleçoes competitivas, etc nao podemos esperar mudanças na educação básica dos alunos. Isso é triste pois  essa educaçao abrange os anos formadores da personalidade, do caráter da pessoa, e é quando precisariamos não  que nossas crianças aprendessem  tantos conteudos diversos, mas que aprendesse, em especial, a SER , na relação com os outros, desenvolvendo valores  e  tornando-se capaz de viver em sociedade com solidariedade.  Criticamos muitas vezes as escolas, mas elas correspondem às expectativas dos pais.  A educação familiar e escolar nao pode se voltar apenas para os aspectos cognitivos  mas deve se preocupar com a formaçao de seres  realmente humanos.

O afeto é o principal motor para possibilitar o desenvolvimento global de uma criança, deveria ser a principal ferramenta dos professores.  Com essa idéia de que é necessário conter os alunos, fazê-los mais submissos e passíveis para escutar professores e incorporar conteúdos, a escola está perdendo seu foco principal;

Certo que os alunos hoje chegam na escola sem ter incorporado noções de limites, leis, sem condições de socialização  e para muitas crianças é a primeira vez que recebem limites, ordens e lhe é exigido respeito para com as  outras pessoas.Mas essa função educadora básica  teria de ser da  família.

Sabemos que a família não está dando conta dessa tarefa e acredito ter uma demanda para que a escola tome para si algum trabalho de orientaçao aos pais para que se fortaleçam e consigam amar seus filhos mas preparando-os para a vida, ou seja exigindo  que cumpram regras , desempenhem tarefas no lar. Os pais precisam parar de se culpabilizar e perder o  medo de educar, frustrar, limitar , conter seus filhos, com firmeza e com afeto.

Talvez pela dificuldade de controlar uma sala com 20, 30 crianças ainda nao socializadas muitos professores estão caminhando para um  perfil muito  autoritário, e opressor . Provocam  nos alunos, medo e preocupação em corresponder às expectativas dos professores . Não se orienta, pelo prazer das descobertas, do aprender, com liberdade para ser, falar, se expressar, questionar , sem temer repreensões.  Muitos professores hoje só conseguem  a produtividade dos alunos com base em punições. perda de consideração afetiva e de elogios,  conversas com a orientadora, castigos sob a  forma de sair da sala de aula , etc

Se esse tema te interessa vamos conversar mais sobre ele.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s